WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
farma e farma - central das bebidasjunior moveis e eletros clinica bem estar


novembro 2020
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  
floema

pizzaria garoto senna

pro corpo academia

andressa fashion hair

mercadinho delta

drogaria saude farma

leo gas

genilson reis fotografia

alianca variedades

casa de carnes alianca

softsky informatica

tecnet

guri polpas

hn informatica
Sorry, there are no polls available at the moment.


:: 4/nov/2020 . 18:38

Governo da Bahia declara situação de emergência em Itabuna e outras oito cidades, por causa das chuvas

.

.

O governo da Bahia decretou situação de emergência em nove cidades do estado que foram afetados por causa de chuvas intensas. A decisão será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) da próxima quarta-feira (4) e valerá pelo prazo de 90 dias. Antes do decreto estadual, algumas cidades já tinham reconhecido a situação.

O governo explicou que a situação de emergência considera os danos provocados pelas chuvas às atividades econômicas e à população dos municípios de Almadina, Coaraci, Ibicaraí, Ibicuí, Irecê, Itabuna, João Dourado, Juazeiro e Lapão.

Segundo o decreto, por causa da situação, “fica autorizada a mobilização de todos os órgãos estaduais, no âmbito das suas competências, para envidar esforços no intuito de apoiar as ações de resposta ao desastre, reabilitação do cenário e reconstrução”.

Mais cedo, algumas cidades baianas já tinham decretado o estado de emergência e calamidade pública por causa das fortes chuvas que caem desde o último domingo (1º). Não há registro de feridos. Um desses municípios foi Almadina, que fica na região sul. De acordo com o secretário de Assistência Social, Antônio Brito, de domingo até esta terça-feira (3), 250 famílias foram atingidas pelas chuvas fortes que caem no sul da Bahia. Elas perderam móveis e eletrodomésticos.

Até a segunda-feira (2), ao menos 12 famílias atingidas ficaram desalojadas. Duas foram abrigadas em uma escola pública e outras dez preferiram ficar na casa de familiares. Nesta terça, todas essas famílias já haviam retornado para casa.

No decreto, a prefeitura de Almadina informou que a cidade registrou 100 mm de chuva. Ainda segundo o secretário, duas casas correm risco de desabamento e uma outra desabou parcialmente.

A prefeitura está servindo alimentação para as famílias, porque mesmo que esses moradores já tenham voltado para casa, eles perderam mantimentos com a chuva. Uma das principais áreas afetadas foi a região do Largo da Paz, que ficou totalmente alagada. Por lá, a água da chuva atingiu uma altura de cerca de meio metro.

Ex-assessora de Flávio confessa rachadinha e entrega de valores para Queiroz

.

.

A ex-assessora do senador Flávio Bolsonaro, Luiza Sousa Paes, admitiu em depoimento que participava de um esquema de rachadinha no gabinete do filho do presidente da República quando ele era deputado estadual. 

O depoimento foi revelado pelo O Globo, após o Ministério Público do Rio de Janeiro denunciar o senador Flávio Bolsonaro por peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa (saiba mais aqui). 

Luiza admitiu que nunca atuou como funcionária de Flávio e também era obrigada a devolver mais de 90% do salário.

Além disso, a “ex-assessora” apresentou extratos bancários para comprovar que, entre 2011 e 2017, entregou por meio de depósitos e transferências cerca de R$ 160 mil para Fabrício Queiroz, ex-chefe da segurança de Flávio e apontado como operador do esquema de desvios de salários. 



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia