.

A Polícia Federal de Ilhéus deflagrou, na manhã desta quinta-feira (21) Operação Protetores da Infância com o objetivo de combater o armazenamento e distribuição de arquivos, imagens e vídeos com conteúdo relacionado ao abuso sexual infanto juvenil através da internet.

Estão sendo cumpridos oito mandados de busca e apreensão nas cidades de Ilhéus, Itabuna e  Tancredo Neves, todas no Estado da Bahia,  e em  São Paulo/SP. Os mandados foram deferidos pela Justiça Federal no bojo de inquéritos policiais instaurados pela Delegacia da Polícia Federal em Ilhéus.

Os crimes investigados armazenamento e divulgação de imagens e vídeos relacionados ao abuso sexual infanto juvenil – preveem penas que podem chegar a mais de 6 de anos de reclusão e multa.

As investigações foram baseadas em um trabalho de inteligência que identificou usuários que utilizam redes sociais, serviços de e-mail e de armazenamento de arquivos para distribuir o conteúdo contendo cenas de abuso pela internet.

Com a continuidade das investigações nos inquéritos policiais, após análise pericial do material apreendido e depoimentos dos envolvidos, será apurado a participação de cada um dos investigados nos crimes de armazenamento, transmissão, publicação de material relacionado ao abuso sexual infanto juvenil, ou em outras práticas criminosas.

informações relacionadas a crimes de pornografia infantil ou  outros crimes podem ser repassadas à Polícia Federal para investigação. Em Ilhéus, o  número do telefone/WhatsApp é o (71) 99258-0158 e o endereço de e-mail é o  gab.ils.ba@pf.gov.br. Os cidadãos têm a garantia de preservação da identidade pela  Polícia Federal.