WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


agosto 2022
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  
andressa fashion hair

paulinho material construcao

pro corpo academia

genilson reis fotografia

alianca variedades

casa de carnes alianca

softsky informatica

carne de sol gomes


CARTA AOS NÁUFRAGOS: LOPES E RUBINHO DOIS HOMENS DA RENASCENÇA

a balsaQuero me desculpar com o OLIMPO dos “amigos” doutor Lopes e Rubinho Cordeiro pelo mal que lhes fiz ao escrever uma nota para o blog ITORORÓ JÁ.  “A difícil luta de caçar leões em Itororó” e, de´cá, debaixo de minha sublime ignorância os ofendi, porém, para que eu possa tê-los ofendido, gostaria de saber em que ponto? Quero do fundo de minh’alma (se é que a tenho), poder me retratar reverenciando os, como deve um servo fazer diante de seus senhores, ou um humilde fiel diante de seus deuses de areia.

Fiz uma leitura do cenário político do momento e do episódio do dia 14. Promovido por vocês. Pensei que, o que escrevo no blog fosse algo passível de discutir as coisas sem esse paredão partidário, respeitando opiniões, abordagens críticas, à luz de meus parcos entendimentos políticos. Porém, como vocês dois são indivíduos políticos de alta capacidade em matéria de raciocínio e, divagam em outro patamar da “intelligentsia” brasileira, de modo que a minha ignorância não consegue alcançar, rendo-me aqui, homenagens ao seu texto-resposta (acredito), onde de forma suprema me reprime com termos e terminologias das quais devo fazer uma grande consulta às suas sábias fontes para aprender como me reportar aos colegas de minha aldeia.

A elegância de sua defesa é de fazer inveja ao Machado de Assis, defende tu, atacando o outro com base na grande enciclopédia do ensino internacional, da qual devemos ter um imenso orgulho, o Se liga Itororó, esse Farol de Alexandria dos grandes iluministas que sois vós. Apesar dele, omitir a autoria daquelas páginas brilhantes, juro pela Virgem Altíssima, que até hoje não entendi. Só a fé em Deus, me leva a acreditar piamente, (depois de noites sem dormir em busca do motivo que os levam a conservação de uma deliciosa Idade das Trevas) que deve ser revolucionária essa posição de ficar sem revelar seus nomes para que nós apoiemos esse chamamento gracioso que só a revolução pode nos proporcionar. Tu, Lopes, baseado nessa Idade Média me oferece o castigo merecido por ter eu, insignificante poeta da cidade, ter feito uma leitura apenas do cenário do mar de rosas em que naufragaram. Vocês e seu “Exercito de Brancaleone”. Mas naufragaram para a vitória que está em curso, que assim como eu, inicia sua coleção de troféus e medalhas de cinzas.

Aprecio em vós, o uso de tal tribuna inspiradora (veja que não coloco aspas nos adjetivos qualitativos para que não penses tratar de ironia ou gozação), com especial louvor e encanto, de modo que me sinto, hoje, o mais ínfimo dos homens por ter ofendido meus exemplares imortais, meus deuses comedores de jabá e farinha seca. Descobrir, que quando vocês usam a fraude que rasteja no anonimato, como espelho para se fazer representantes da população (falo do referido e inspirador SE LIGA ITORORÓ), é para que, com esse disfarce verdadeiro, queiram vós, nos enviar para a luz de tais caminhos. Agora entendi, e entendi mais; que a merda que vocês jogam no ventilador, não é merda, é uma delícia. Parabéns por me apontar os caminhos da retidão, da transparência e da luz. A luz que vem das trevas. É isso aí, bicho!

Acreditei que a nota “A difícil luta de caçar leões em Itororó” fosse para ser vista como deveria ser. Entretanto, vocês viram o que viram por vocês. Meus heróis (os dois), heróis de um novo mundo, se emprenharam pelos olhos que não leram o que escrevi (o semideus Rubinho, me confessou numa ligação), e interpretaram pelos ouvidos da vaidade absoluta de quem quis, assim, ser enxertados. Então, meus senhores intocáveis, eu fui infame e vil com vocês. Já, vós de seu portentoso trono de comunicadores do Olimpo, tenham misericórdia desse inútil escriba que vive os seus dias miseráveis escrevendo idiotices atrás de idiotices para tentar alcançá-los aí em cima. Seus ouvidos e seus aguçados olhos merecem uma premiação de alto grau ou comenda.  Isso é que é sabedoria. A vocês, homens da renascença, anjos caídos do céu em Itororó, obrigado.

Gostaria de acreditar que vocês leram uma coisa e por generosidade cristã, interpretaram outra. Que capacidade! São mesmos vocês seres humanos ou serão vocês os deuses astronautas. Para finalizar quero agradecer as maravilhas de palavras que obtive como resposta. Porém. Repito, minha mente é incapaz de absorver tal resplendor, portanto, fico devedor na arte de reproduzi-las e passar adiante.

Depois dessa, talvez devesse eu, enfiar o rabo entre as pernas e me recolher para o devido lugar que os lacaios da caserna infame reservaram para mim. Não, ficar vagando atrás de me expressar através da escrita feito um idiota convicto disfarçado de otário, que é o que sou. Agora quero agradecer a vocês pela lúcida e sublime reprimenda, que soou em mim como uma aula de preparação para o diálogo entre o humano que ainda caminho para chegar. Demorarei milênios para poder chegar aos seus pés.

Que as gerações futuras me perdoem por essa falta. Quanto a vocês, saibam que o rei Salomão, Krishna, Confúncio, São Francisco de Assis estão orgulhosos da bela peça que ambos compuseram para brindar a mim e a nossa estimada sociedade. Fazer picadinho desse verme que vos exalta, é prato recorrente no cardápio de uma feira ou de um esgoto.  Eu os saúdo na plenitude do amor que vós tendes por mim e por todo eleitor, essa figura bípede, às vezes conduzida por quadrúpedes. Um dia chegarei ao Olimpo onde vocês dois se meteram e ainda encontram, ó homens do novo mundo! Atrasarei em anos luz, mas aguardem. Não vos deixes angustiar por um verme como eu nem envelheçam entre as hélices de um turbinado ventilador.

Encerro aqui, parabenizando e reverenciando vocês pelos imaculados deuses que são, e pela magistral interpretação e honra que tive, quando debruçaram seus olhos sobre meu humilde e corriqueiro texto. Saudações a Vandinho, o trigo e o tigre. Vocês são demais! Vocês são os salvadores da pátria que os pariu. Brasil, evoé, Brasil !!!

Milton Marinho

8 respostas para “CARTA AOS NÁUFRAGOS: LOPES E RUBINHO DOIS HOMENS DA RENASCENÇA”

  • ANÔNIMO says:

    Olá Milton, será que eles entenderam esse recado? Pra esse povo tem que falar no linguajar popular, não vão entender o que você quis dizer.

  • Milton esses dois vivem vagando .

  • Milton, Milton, por que tanto falas, homem; sabes muito que estou alinhado contigo, politicamente, não entendi pq tanta falação; eu só queria que explicasse o fala do blog: se liga Itororó, homem; onde falam que o prefeito mandou e Marcelo Andrade fez o que fez, para que falasse aquilo que disseste; por que eu deveria pegar leve, não entendi em que transgredi a Lei; para ter que pegar leve, só se foi a “lei” do detentor dos podres poderes, de plantão; por que a Lei que manda agirmos como cidadãos gratos a nossa nossa terra e a nossa a gente, essa eu tenho convicção que não transgredi; repito, só agi e estou agindo no campo da utilidade pública; basta ver e vc Milton Marinho sabe que, estou agindo no campo da utilidade publica, com o plano municipal de saneamento básico, que vai trazer saúde para o meio ambiente e a população; além da Lei da Transparência: 12.527/2011, e Lei: 131/2009; que foi entregue ao gestor dia: 21-03-2014, para que ele coloque todo o gasto na NET para o controle da sociedade; o prefeito tem 30 dias, para começar a disponibilizar esses dados como manda a Lei; aliás estamos formando uma: COMISSÃO DE CONTROLE SOCIAL DOS GASTOS PÚBLICOS DE ITORORÓ; Quer convidar ao amigo M M para integrar essa comissão, bem como convido a todos que a esse texto ler;
    Fone: 073.9972.0094.
    Lopes Adv. Em nome da Entidade sem fins lucrativos – OSCIP – Instituto água viva do saber.
    Só quero ser útil a minha terra, amigos, nada mais; com o conhecimento que adquiri em Sampa durante 44 anos;

  • Anonymus says:

    Por que MILTON PINTOR não escreve alguma coisa sobre sues colegas de arte em Itororó (Arte Dé, Istraquino, Zé Carlos, Vilas, Copão)?? E fica tentando tirar uma de intelectual, falando de renascença e outras coisas que conhece apenas de orelhada. Será que tem vergonha da categoria dos pintores de faixas e paredes, seus colegas?? Deixa de ser metido, rapaz!

  • Doutor Lopes e Rubinho Cordeiro, vocês acusam Milton e pede retratação dele? O ônus da prova cabe a quem acusa. NÃO É SENHOR ADVOGADO? ESTOU ENGANADA? Vocês reproduziram mentiras de um blog sem referência de credibilidade, portanto cabe a vocês provarem. Milton não tem que provar absolutamente nada para dois bonecos de um governo fracassado.

  • Vamos em frente says:

    Parto em defesa desses meus conterrâneos Lopes e Rubinho dizendo o seguinte. Nenhuma luta é em vão quando se está em favor do povo. A você Maria de Lourdes deveria parar de olhar o proprio umbigo e olhar o lado das pessoas de Itororó que estão sofrendo com um Governo defasado e desajuizado. Não existe nada antes que haja ordem.

  • ANÔNIMO says:

    Esse indivíduo “vamos em frente” o texto dele não não é estranho pra mim não, pode enganar aos outros mas a mim não engana.Esse indivíduo não tem vergonha de aparecer ao público, mesmo disfarçado, é ser muita cara de pau. Te garanto uma coisa, Itororó vai entrar no rol de Brasil e um dia a sua casa cai. AGUARDE!!!!!!

  • Jurandy Gusmao says:

    Miltom Marinho. A comunidade de Itororó já sabe que você é ouro da casa, é de Itororó , tem base base politica e não devemos negar. Faço só uma simples ratificação.Dr. é quem tem Doutorado, Bacharel em Direito é outra coisa.Parabéns pelo seu pronunciamento, sua sabedoria nunca lhe tirou a ética. Fiz e faço parte do grupo que quer o melhor para nossa cidade. Quem viveu mais de quarenta anos fora de Itororó,considero em termos de politica partidária em Itororó um pinto no ovo, ou seja: ainda está no jardim de infância, precisa muito o que aprender. Deixar o passado que liga ao presente significa no assunto em pauta, falta de conhecimento das bases politicas de Itororó. O saudoso Eujacio Simões e filho, Henrique Brito e filhos, Edineu e Adroaldo, já tem base firme. Há outras bases politicas em formação como : José Marcos Gusmão, Dr. Adauto, Dra. Virginia , Claudia filha do Sr. Radamanto , Rubinho e demais outras pessoas. Tudo valido . O mais importante é administrar bem . Quanto ao julgamento deste comentário deixo por conta dos eleitores de Itororó.

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia