.

.

A SSP da Bahia publicou a demissão do delegado Nilo Ebrahim Ribeiro Bonfim, na edição de quarta-feira (25) do Diário Oficial do Estado (DOE).

Em nota enviada ao Bahia Notícias, a Polícia Civil informou que a perda do cargo público foi motivada por um “desvio de conduta funcional”. Segundo a PC, o policial violou um domicílio sem autorização judicial e ainda realizou a apreensão irregular de um aparelho eletrônico, que posteriormente desapareceu.

Em 2017, quando era titular da Delegacia Territorial (DT), de Pindaí, no Sudoeste do estado, Nilo Ebrahim foi preso por suspeita de associação ao tráfico de drogas, venda de inquéritos, peculato, entre outros crimes, que teriam sido praticados quando o delegado ainda era titular da DT/Carinhanha, em 2016.