WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vida plenaauto escola sao pedrojunior moveis e eletros clinica bem estar


ITORORÓ: ELEITOR - QUAL SERIA O MELHOR HORÁRIO PARA A SESSÃO DA CÂMARA DE VEREADORES?

View Results

Carregando ... Carregando ...
julho 2018
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
disk floema

juely modas

adega 33

pizzaria garoto senna

leo gas

lava rapido pit stop

tecnet

guri polpas

leo divulgacoes

nova casa

academia pro corpo

acougue gomes

alianca cosmeticos variedades

farmacia dias

hn informatica


:: 9/jul/2018 . 23:10

Caatiba – Multidão recebe Antônio Brito e Luiz Augusto na cidade

.

.

Os deputados federal e estadual Antônio Brito (PSD) e Luiz Augusto (PP),vice presidente da Assembléia, foram recebidos, de forma calorosa, neste domingo (08), durante o São João da Ressaca em Caatiba. 

O encontro aconteceu na Fazenda do Sr Jaimilton Gusmão e reuniu uma multidão de amigos. Liderado pelo Dr Paulo Henrique  e o ex-vereador Nei do Povo, Antônio Brito por exemplo, recebeu o carinho de centenas de pessoas e contabilizou ainda mais apoios políticos à sua candidatura.

A sua vida publica, aliada ao jeito sério de tratar as relações políticas, tem elevado a expectativa da classe política e da população em continuar tendo um deputado federal presente nos municípios.

A todo momento foi possível constatar a aceitação dos deputados, através do carinho e acolhimento da população do distrito.

Fotos enviados ao Tribuna de Itapetinga mostram a verdadeira multidão que prestigiaram a festa de confraternização que também teve o apoio do vereador Zé do Piano e do Dr Leonardo Matos. Itapetinga Notícias.

Municípios baianos recebem repasse extra de R$ 372,4 milhões da União

.

.

Os municípios baianos começaram a semana com mais dinheiro nas contas. Isso porque o governo federal repassou, nesta segunda-feira (9), R$ 372,4 milhões às 417 cidades do estado referentes a uma parcela extra do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

O valor encaminhado à Bahia representa quase 10% do total repassado pela União a todos os municípios do país – cerca de R$ 4 bilhões. Salvador recebeu R$ 31,4 milhões, enquanto as nove maiores cidades do interior, entre elas Feira de Santana e Vitória da Conquista, ganharam R$ 3,9 milhões cada, segundo informações da Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

O repasse extra em julho começou a ser feito no ano passado pelo governo federal e representa uma reivindicação antiga dos prefeitos, que enfrentam uma queda de receita neste mês. O valor é chamado de “1% extra” e equivale a 1% do valor da arrecadação do Imposto sobre Produto Industrializado (IPI) e do Imposto de Renda (IR) pelo governo federal.

A Bahia foi o terceiro estado que mais recebeu recursos. O primeiro foi São Paulo, com R$ 540,1 milhões, enquanto Minas Gerais, com R$ 532,2 milhões, foi o segundo, de acordo com a CNM.

Médico da Rússia admite que jogadores inalaram amônia, mas nega doping

.

.

O médico da seleção russa, Eduard Bezuglov, confirmou que jogadores da equipe inalaram amônia para melhoria no desempenho nas partidas da Copa do Mundo. Bezuglov, no entanto, negou que a prática seja caracterizada como doping.

– É um simples amoníaco com o qual as pessoas molham o algodão e depois inalam. Vários atletas fazem isso para ganharem ânimo. Isso é usado há décadas – disse.

De fato, a amônia não consta na lista de substâncias proibidas da Agência Mundial Antidoping (Wada, na sigla em inglês). O médico destacou que a inalação também é comum entre pessoas que não são atletas. A inalação de amônia melhora o fluxo sanguíneo e a capacidade pulmonar.

– Não é usado somente no esporte, mas na vida cotidiana das pessoas quando alguém perde a consciência ou se sente fraco – finalizou.

Final eletrizante: Bicho da Goiaba goleia e é campeão da Segundona

.

. Itororó Esportes

Para abrir à tarde de decisões neste domingo (08), as equipes do Esporte Clube Bicho da Goiaba e do Lomanto Esporte Clube entraram em campo pela final da Taça Cidade de Itororó, popularmente chamada de 2ª divisão do Campeonato Municipal.

O que se pode dizer do jogo é que do início ao final, o Bicho da Goiaba pressionou, trocou passes e buscou mais o jogo, deixando a equipe do Lomanto acuada e irreconhecível. O mais surpreendente é que o ataque do time do Bicho da Goiaba foi o pior dentre todos os finalistas da tarde já que havia marcado apenas 2 gols nas suas duas vitórias por 1 a 0 na 1ª fase.

A estranha, porém, histórica campanha do time campeão ainda contou com 3 empates em 0 a 0, o último deles na semifinal contra o Paquitos, que só foi decidida nos pênaltis. Isso fez com que a equipe tivesse a melhor defesa dentre todos os 20 clubes do Municipal desse ano (1ª e 2ª divisões).

No Lomanto, o destaque vai para o técnico Ricardinho, em seu primeiro trabalho como treinador, a equipe chegou à final da Taça Cidade de Itororó e com uma boa campanha de 3 vitórias nos 5 jogos que a equipe disputou.

OS GOLS:

O primeiro gol veio de um pênalti bem marcado pelo árbitro Renilton Oliveira, após uma saída pra lá de atabalhoada do goleiro Alisson do Lomanto que atingiu o atacante Clécio na área. O camisa 10 Renatinho bateu e converteu. O segundo gol foi marcado por Clécio, ainda no 1º tempo, ampliando a vantagem do Bicho da Goiaba.

Na 2ª etapa, cruzamento na medida e Renatinho tocou de cabeça pra fazer o segundo dele e o terceiro do jogo e Wagner, que saiu do banco no segundo tempo, fez uma jogadaça, fintou um zagueiro, colocou a bola entre as pernas de outro e bateu de fora da área pra fazer o gol mais bonito do domingo. Fim de jogo: Bicho da Goiaba 4×0 Lomanto

ESPORTE CLUBE BICHO DA GOIABA – CAMPEÃO DA TAÇA CIDADE DE ITORORÓ

BICHO DA GOIABA:
Benedito; Maisson, Tiago Sena, Jhonny e Júnior; Buziu, Tiago e Renatinho; Manchinha, Clécio e Pedrinho.
Técnico: Murilo.
Reservas: Alex, Tiago Oião, Jeferson, Anderson, Ró, Gutierre, Juninho, Juninho de Itati, Wagner e William.
LOMANTO:
Alisson; Neguinho, Vinícius, Tiagão e Kléber; Peba, Tatai e Alan Coruja; Márcio, Lek e Leandro.
Técnico: Ricardinho Molgão.
Reservas: Charles, Tinho, Yuri, Rony, Jube e Cleinaldo.
Arbitragem: Renilton Oliveira.
Assistente 1: Jarbas Santos.
Assistente 2: Marco Antônio Silva França.
4º Árbitro: Anderson Almeida Freire.

Presidente do TRF-4 decide que Lula deve continuar preso

.

.

“G1”

SÃO PAULO – O presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) decidiu no início da noite deste domingo que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve continuar preso. O desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz afirmou que o caso compete mesmo ao relator do processo, Gebran Neto, e não ao plantonista Rogério Favreto.

Flores tomou a decisão após ser provocado pela Procuradoria Regional da República da 4ª Região — o Ministério Público Federal (MPF) pedia, em linhas gerais, que ele decidisse qual dos dois desembargadores era o responsável pelo caso. Um dos argumentos de Flores para tirar o caso de Favreto é que a pré-candidatura de Lula não é um fato novo.

“Rigorosamente, a notícia da pré-candidatura eleitoral do paciente é fato público/notório do qual já se tinha notícia por ocasião do julgamento da lide pela 8ª Turma desta Corte. Nesse sentido, bem andou a decisão do Des. Federal Relator João Pedro Gebran Neto”.

Para Flores, o desembargador plantonista Favreto não tinha poder para tomar esse tipo de decisão e que, portanto, a decisão do relator Gebran Neto deveria ser a definitiva.

“Determino o retorno dos autos ao Gabinete do Des. Federal João Pedro Gebran Neto, bem como a manutenção da decisão por ele proferida”, disse, em referência à decisão que manteve Lula na prisão.

O deputado federal Wadih Damous (PT), um dos autores do pedido de habeas corpus, informou que a defesa de Lula vai contestar a decisão de Thompson Flores. Segundo o parlamentar, o presidente do TRF-4 não poderia interferir na controvérsia entre Gebran Neto e Favreto.

Os advogados do ex-presidente ainda vão se reunir para decidir que caminho jurídico será tomado a partir de agora.

— A decisão do Thompson Flores é um absurdo, completamente ilegal. A competência do desembargador plantonista só poderia ser revogada por uma decisão colegiada ou um tribunal superior. Isso mostra a anarquia do poder judiciário — disse o parlamentar.

IDAS E VINDAS

O desembargador Rogério Favreto, plantonista do TRF-4 neste fim de semana determinou a soltura de Lula às 9h05 deste domingo, ao analisar um pedido de habeas corpus apresentado na noite de sexta-feira por três deputados federais do PT.

A decisão abriu caminho para uma série de contestações que só terminaria com a decisão de Thompson Flores, ao final do dia.

No início da tarde, pouco depois das 12h, o juiz Sergio Moro questionou a competência do desembargador Favreto para julgar o caso e afirmou que as autoridades policiais não deveriam seguir a determinação do plantonista até que o relator da Lava-Jato, Gebran Neto, se manifestasse.

Às 14h13, Gebran revogou a liminar de Favreto, afirmando que ele, sim, era o responsável natural de todas as decisões envolvendo Lula. Fraveto reiterou sua decisão cerca de três horas depois e chegou a dar o prazo de uma hora para que Lula deixasse a cadeia.

Diante do impasse, o MPF recorreu a Thompson Flores para dar a palavra final. O presidente do TRF-4 concordou com o entendimento que o caso deveria ficar a cargo de Gebran Neto e que, portanto, o ex-presidente petista deveria continuar preso.

ácio Lula da Silva deve continuar preso. O desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz afirmou que o caso compete mesmo ao relator do processo, Gebran Neto, e não ao plantonista Rogério Favreto.

Flores tomou a decisão após ser provocado pela Procuradoria Regional da República da 4ª Região — o Ministério Público Federal (MPF) pedia, em linhas gerais, que ele decidisse qual dos dois desembargadores era o responsável pelo caso. Um dos argumentos de Flores para tirar o caso de Favreto é que a pré-candidatura de Lula não é um fato novo.

“Rigorosamente, a notícia da pré-candidatura eleitoral do paciente é fato público/notório do qual já se tinha notícia por ocasião do julgamento da lide pela 8ª Turma desta Corte. Nesse sentido, bem andou a decisão do Des. Federal Relator João Pedro Gebran Neto”.

Para Flores, o desembargador plantonista Favreto não tinha poder para tomar esse tipo de decisão e que, portanto, a decisão do relator Gebran Neto deveria ser a definitiva.

“Determino o retorno dos autos ao Gabinete do Des. Federal João Pedro Gebran Neto, bem como a manutenção da decisão por ele proferida”, disse, em referência à decisão que manteve Lula na prisão.

O deputado federal Wadih Damous (PT), um dos autores do pedido de habeas corpus, informou que a defesa de Lula vai contestar a decisão de Thompson Flores. Segundo o parlamentar, o presidente do TRF-4 não poderia interferir na controvérsia entre Gebran Neto e Favreto.

Os advogados do ex-presidente ainda vão se reunir para decidir que caminho jurídico será tomado a partir de agora.

— A decisão do Thompson Flores é um absurdo, completamente ilegal. A competência do desembargador plantonista só poderia ser revogada por uma decisão colegiada ou um tribunal superior. Isso mostra a anarquia do poder judiciário — disse o parlamentar.

Abaixo você confere tudo!

 

Lula1 Lula2 Lula3



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia